Europa

Curiosidades de Portugal

Você sabe por que os portugueses também são comumente chamados de lusitanos? Por causa dos lusitanos, um conjunto de tribos que habitava o território de Portugal desde a Idade do Ferro.

Na época da dominação romana, Portugal era conhecido como Lusitânia.

O Reino de Portugal foi criado em 1 143, com fronteiras definidas em 1 249, o que faz de Portugal o Estado-Nação mais antigo da Europa.

Em 1 580, Portugal e Espanha passaram a ser um só país. A chamada União Ibérica durou até 1 640, quando os portugueses conseguiram a sua independência. Quer dizer, durante um bom tempo, todos nós fomos espanhóis.

A República só foi instituída em Portugal apenas em 1 910, com a queda da monarquia local.

Em 1 543, os Portugueses chegaram à ilha de Tanegashima, sendo o primeiro povo europeu a estabelecer contato com o Japão. Os portugueses deixaram fortes influências na língua, na culinária e até nas técnicas metalúrgicas japonesas.

Um dos primeiros europeus a ter contato com os japoneses foi o santo católico São Francisco Xavier. Nascido na Espanha, São Francisco Xavier trabalhou como missionário nas terras recém-descobertas pelos portugueses no século XIV como o Japão.

Palavras japonesas de origem portuguesa: botan (botão), buranco (balanço), joro (jarro), juban (gibão), karuta (carta), kappa (capa), konpeito (confeito), kirisutan (cristão), oranda (Holanda), orugan (órgão), pan (pão), shabon (sabão) e tabako (tabaco).

A maior influência portuguesa na culinária japonesa foi o tempurá – pedaços de vegetais empanados e fritos.

Não se sabe se é lenda ou se é realmente verdade, mas dizem que o famoso chá da cinco foi introduzido na Inglaterra por uma monarca de origem portuguesa: Dona Catarina de Bragança. Aliás, também é muito difundida a história de que o bairro novaiorquino do Queens recebeu esse nome em homenagem a mesma Dona Catarina.

Cabo das Tormentas. Foi com esse nome que o navegador português batizou o sul da África quando o contornou pela primeira vez. De fato, os mares revoltos do litoral da atual África do Sul assustava muito os navegadores do século XV. Foi então que o rei de Portugal D. João III trocou o nome para Cabo da Boa Esperança, provavelmente numa tentativa de acalmar os marinheiros portugueses.

As primeiras habitações da cidade do Porto surgiram aproximadamente em 800 a.C.. O Porto foi, durante um bom tempo, chamado de Cale e, mais tarde, de Portucale. Vem daí o nome Portugal.

O vinho do Porto surgiu no século XVII, quando os britânicos passaram a importar a bebida em grandes quantidades de Portugal. Na intenção de fazer o produto resistir à viagem, os portugueses passaram a acrescentar álcool nos barris, o que acabou conferindo um sabor original ao vinho.

Todo o mundo sabe que o sobrenome Silva veio de terras portuguesas. O que poucos imaginam é que ele é mais antigo do que Portugal. O sobrenome surgiu no tempo do Império Romano e denominava os habitantes das regiões de matas ou florestas (“silva”, em latim – o mesmo que selva). Mas por que existem tantos Silva no Brasil? Por três motivos: é muito usado em Portugal, muitos portugueses adotaram o Silva quando vieram para cá (provavelmente para manter o anonimato) e o sobrenome foi dado a milhares de escravos que foram trazidos para o Brasil.

Você sabia que em Lisboa um museu totalmente dedicado ao azulejo? O museu mais visitado de Portugal, no entanto, é o Museu Nacional dos Coches, uma instituição voltada para os transportes à tração animal, especialmente carroças e carruagens.

Existe uma forte suspeita de que os portugueses tenham descoberto o Brasil em data anterior a 1 500. E, da mesma forma, existem suspeitas de que espanhóis e franceses também tenham passado por aqui antes de Cabral.

Assim como o samba está para o Brasil, o fado está para Portugal. Considerado música típica do país, o fado é cantado por uma só pessoa acompanhada de um instrumento. A palavra fado significa “destino” (do latim “fatum”) e tem a mesma origem da palavra fada.

Manuel e Joaquim estão longe, muito longe de serem os nomes mais registrados em Portugal. Os nomes de meninos mais comuns em terras portuguesas são Miguel e João. Falando nisso, João também é campeão absoluto no Brasil. Já Maria continua entre os nomes de meninas preferidos pelos portugueses (detalhe: o mais utilizado atualmente é Ana).

Países que tem o português como língua oficial: Portugal, Brasil, Guiné-Bissau, Moçambique, Angola, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe e Timor Leste.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *